Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.10/259
Título: Paralisia periódica tireotóxica
Autor: Vale, J
Canas, N
Leal, A
Vilar, H
Palavras-chave: Doença de Graves
Paralisias periódicas hipocaliémicas
Tireotoxicose
Data: 2005
Editora: Ordem dos Médicos
Citação: Acta Med Port. 2005 Sep-Oct;18(5):399-402
Resumo: A paralisia periódica tireotóxica (PPT) é caracterizada por episódios recorrentes de fraqueza muscular e hipocaliémia associados a hiperactividade tiroideia. Descrita maioritariamente em indivíduos de origem asiática, a PPT é, na população ocidental, uma manifestação rara de hipertiroidismo. É descrito um caso típico de PPT num homem português de 33 anos, observado por tetraparésia aguda associada a hipokaliémia (K+ 2.6 mEq/L). Na anamnese apurou-se a existência, desde há oito semanas, de vários episódios de paraparésia de intensidade variável; as crises ocorriam habitualmente durante a noite, eram precipitadas pelos esforços físicos intensos e resolviam espontaneamente em poucas horas. A presença de bócio, taquicardia e emagrecimento, conduziram-nos ao diagnóstico de Doença de Graves, confirmado laboratorialmente. A correcção do hipertiroidismo, com metimazol e propanolol, levou a uma remissão completa das crises. A PPT deve ser considerada no diagnóstico diferencial de quadros agudos de fraqueza muscular em adultos jovens. O restabelecimento do eutiroidismo constitui o aspecto essencial do tratamento evitando, definitivamente, os episódios de paralisia.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.10/259
ISSN: 1646–0758
Aparece nas colecções:NEU - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Acta Med Port. 2005 Sep-Oct, 18(5) 399-402.pdf115,37 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.