Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.10/501
Título: Um caso de mania refractária ao tratamento
Autor: Ponte, G
Paiva, A
Lobo, M
Palavras-chave: Perturbação bipolar
Antipsicóticos
Clozapina
Data: 2010
Editora: Serviço de Psiquiatria do Hospital Prof. Dr. Fernando Fonseca, E.P.E.
Citação: Psilogos.2010 Jun-Dez; 8(1-2): 18-24
Resumo: A mania disfórica é um estado que ocorre mais frequentemente em mulheres e é caracterizada por enorme irritabilidade. O tratamento de primeira linha da mania aguda é feito com lítio; já nos quadros de mania atípica ou refractária, está indicada a clozapina. A resposta à terapêutica farmacológica varia mediante certas particularidades do paciente, nomeadamente se se trata de um metabolizador rápido ou lento. Na ausência de resposta à medicação, está indicado o uso de electroconvulsoterapia. É descrito um caso de uma mulher de 30 anos, com mania refractária ao tratamento farmacológico convencional e electroconvulsoterapia. A remissão foi conseguida mediante a administração de 1400 mg de clozapina diários.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.10/501
ISSN: 2182-3146
Aparece nas colecções:Psilogos Vol.08 Nº1/2 (Jun/Dez 2010)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Ponte, Paiva e Lobo _ P18-24.pdf368,42 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.