Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.10/515
Título: Um ano de psiquiatria de ligação num hospital geral
Autor: Oliveira, S
Pires, Z
Santos, N
Palavras-chave: Psiquiatria de ligação
Hospital geral
Data: 2008
Editora: Serviço de Psiquiatria do Hospital Prof. Dr. Fernando Fonseca, E.P.E.
Citação: Psilogos.2007/2008; 4(2)/5(1): 15-29
Resumo: A Psiquiatria de Ligação tem adquirido nos últimos anos uma crescente importância na Psiquiatria e nos Serviços não psiquiátricos dos Hospitais Gerais. Em Portugal são já inúmeros os Hospitais Gerais dotados de Núcleos especializados na interface da doença mental e do soma. Os autores pretendem caracterizar a população avaliada em Psiquiatria de Ligação num Hospital Geral, de forma a optimizar recursos e melhor adequar as intervenções efectuadas. Assim, fizeram uma análise retrospectiva dos pedidos realizados à Equipa de Psiquiatria de Ligação do Hospital de Santa Maria durante um ano, numa amostra aleatória de 318 doentes. No total observaram que uma ligeira maioria dos pedidos correspondia ao sexo feminino. As faixas etárias mais prevalentes foram as dos 56 aos 65 e 66 aos 75 anos, os pedidos recebidos foram na sua maioria emitidos pelos Serviços de Medicina e os principais motivos para avaliação por Psiquiatria de Ligação foram tentativa de suicídio e sintomatologia depressiva, não havendo diferenças entre os dois sexos. Um terço dos pedidos apresentava mais do que um motivo, maioritariamente a presença de antecedentes psiquiátricos. Os diagnósticos mais frequentes foram a Perturbação da Adaptação e a Depressão Moderada. Quando cruzados estes dados com o sexo e a origem do pedido não se observaram diferenças estatisticamente significativas. A intervenção realizada foi maioritariamente psicofarmacológica, com uma única observação. O destino dos doentes foi sobretudo para Consultas de Psiquiatria ou para o Médico de Família. A amostra analisada foi representativa, em relação ao total de pedidos no período avaliado. O motivo do pedido de observação e o diagnóstico sindromático estão de acordo com o descrito na literatura consultada, não se verificando variações entre as diversas variáveis estudadas.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.10/515
ISSN: 2182-3146
Aparece nas colecções:Psilogos Vol.04 Nº2 e Vol. 05 Nº 1 (Dez 2007 e Jun/Dez 2008)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Oliveira 15-29.pdf370,96 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.