Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.10/665
Título: Hepatite C em toxicodependentes: acompanhamento e acesso à terapêutica
Autor: Castro, R
Valente, C
Ramos, J
Almeida, J
Marinho, R
Branco, T
Andrade, S
Macedo, A
Palavras-chave: Hepatite C
Abuso de substâncias por via intravenosa
Normas de orientação clínica
Portugal
Data: 2011
Editora: Ordem dos Médicos
Citação: Acta Med Port. 2011 Dec;24 Suppl 2:483-92
Resumo: A hepatite C constitui, actualmente, um grave problema de saúde pública. Estima-se que existam, em todo o mundo, 180 milhões de pessoas com infecção crónica por vírus da hepatite C (VHC) e que a sua prevalência na população portuguesa varie entre 1 e 1,5%. Em Portugal, não existem normas de orientação actualizadas de tratamento, nem recomendações para o diagnóstico e acompanhamento dos doentes com VHC e, em particular, para os UDEVs. O presente artigo reúne informação de consenso relativa à de prática clínica e propõe algumas orientações para o acompanhamento e acessibilidade ao tratamento dos doentes toxicodependentes com infecção crónica por VHC, em Portugal.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.10/665
ISSN: 1646–0758
Aparece nas colecções:INF - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Acta Med Port 2011, 24(S2) 483-492.pdf316,63 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.