Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.10/692
Título: Colheita multicomponentes por aferese a dadores benévolos: a experiência do Serviço de Sangue do HFF
Autor: Barradas, A
Barra, A
Rebelo, L
Palavras-chave: Dadores de sangue
Preservação do sangue
Data: 2005
Editora: Associação Portuguesa de Imuno-Hemoterapia
Citação: CONGRESSO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE IMUNO-HEMOTERAPIA, 5, Figueira de Foz, 12 a 14 de Outubro de 2005
Resumo: Introdução A introdução da prática de aférese veio alterar substancialmente a qualidade da colheita, diminuindo a “lesão da colheita” e incremento da qualidade dos componentes finais. No nosso hospital, o facto de termos a segunda maternidade do país e uma Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais e Pediátricos, veio de alguma maneira contribuir para a introdução desta técnica na nossa prática. Com este trabalho queremos mostrar alguns dos resultados entre Maio de 2001 e Maio de 2005 e partilhar um pouco das dificuldades que também encontrámos. Material e métodos Utilizámos o aparelho de af+erese Haemonetics MCS+, tendo utilizado os protocolos SDR (que permite colher 2 unidades de CE desleucocitadas de dador único) LDP (que permite colher um CUP desleucocitado de dador único). Os dadores são seleccionados segundo os critérios de aprovação de dadores de aférese em vigor na EU e no nosso país e com um protocolo interno um pouco mais restritivo. No período entendido entre 10-05-2001 e 23-06-2005 realizámos 15 colheitas (3 CUPs e 12 U duplas de CE). Os dadores, todos do sexo masculino, tinham idades compreendidas entre os 26 e os 51 anos, sendo a média de idades de 34,7 anos. Resultados Para os CEs (2U) obtivemos um volume médio de 504,66mL. Efectuámos controlo de Hb em 7U de CE e obtivemos como média 108,0g/U e de média de Htc nas mesmas unidades foi de 59, 81%. Os leucócitos residuais encontrados em todas as unidades de CE testadas (4) foram sempre <1x106 por unidade. Todos os CUPs cumpriram as normas do Conselho da Europa em Controlo de Qualidade. O controlo bactreriológico foi negativo em todas as unidades em que foi efectuado (3). Conclusão Temos por objectivo colher somente a dadores O negativos e com ac. Anti-CMV negativos ou dadores com fenótipos especiais. A técnica é fazível embora com alguma alteração da rotina, tem especial interesse para os hospitais com maternidades ou unidades de cuidados intensivos neonatais, ou que abranjam franjas da população muito heterogénias. Considerando as complicações conhecidas e desconhecidas das transfusões, conseguimos com esta técnica limitar a exposição dos doentes a menos dadores, por aumento do rendimento transfusional e aumento do volume conseguido por dador.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.10/692
Aparece nas colecções:IMU - Comunicações e Conferências

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Cartaz_Colheita Multicomponentes_Aférese_Dadores Benévolos_Experiência_SS_HFF_2005.pdf394,63 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.