Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.10/794
Título: Hemangioma cavernoso da retina
Autor: Santos, C
Azevedo, R
Pina, S
Pedrosa, C
Ramalho, M
Teixeira, S
Palavras-chave: Hemangioma cavernoso
Doenças da retina
Data: 2012
Editora: Sociedade Portuguesa de Oftalmologia
Citação: CONGRESSO PORTUGUÊS DE OFTALMOLOGIA, 55, Lisboa, 6 a 8 de Dezembro de 2012
Resumo: Introdução: Os hemangiomas cavernosos da retina correspondem a aglomerados de aneurismas saculares nas camadas internas da retina. Localizam-se na maioria dos casos fora do pólo posterior1. Caso clínico: Criança do sexo feminino, idade gestacional de 30 semanas, peso ao nascer 1200g, foi observada no contexto de rastreio de retinopatia da prematuridade. À observação detectou-se um aglomerado de lesões saculares vermelhas escuras compatível com hemangioma cavernoso da retina periférica do olho esquerdo. Para melhor esclarecimento da lesão decidiu-se realizar observação sob anestesia geral. Confirmou-se o aspecto típico de hemangioma cavernoso localizado às 6h. Optou-se por realizar fotocoagulação da lesão com laser 532nm (potência 100mW, duração 0,6 segundos) aos 8 meses de idade. Foi realizada nova observação sob anestesia geral 4 meses após o tratamento laser. O hemangioma apresentava-se regredido excepto no seu pólo posterior. Foi intensificado o laser nessa área. Quatro meses após a última sessão de laser a lesão mantém-se regredida. O rastreio de familiares de primeiro grau negativo. Aguarda realização de RM-CE para pesquisa de malformações vasculares do sistema nervoso central. Discussão e conclusão: Os hemangiomas cavernosos da retina são geralmente esporádicos. Há no entanto vários relatos de herança autossómica dominante[2]. A coexistência de lesões semelhantes na pele ou sistema nervoso central foi já descrita. Desconhece-se no entanto a frequência desta associação[2,3]. O rastreio de familiares e realização de RM-CE são aconselhados. Apesar de estas lesões se manterem estáveis e assintomáticas, existem alguns relatos de hemorragias com manobras de Valsalva[4]. Neste caso em que foi necessário submeter a criança a uma observação sob anestesia geral, optou-se por realizar ablação profilática da lesão. Bibliografia [1] HEINMANN H, DAMATO B: Congenital vascular malformations of the retina and choroid. Eye 2010; 24:459:467 [2] PANCURAK J, GOLDBERG FM, et al: Cavernous hemangioma of the retina. Genetic and central nervous system involvement. Retina 1985; 5(4):215-20. [3] GASS JD: Cavernous hemangioma of the retina: a neuro-oculo-cutaneous syndrome. Am J Ophthalmol 1971; 71(4):799-814. [4] SMITH BT, JOSEPH DP: Labor-induced hemorrhage of a retinal cavernous hemangioma. Ophthalmic surgery, lasers and imaging 2009; 40(4):419-20.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.10/794
Aparece nas colecções:OFT - Comunicações e Conferências

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Hemangioma cavernoso da retina.pdf1,15 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.